UNIFAFIBE – CENTRO UNIVERSITÁRIO

Ajuda

Esqueceu sua senha?

Discente - entre em contato com a Recepção do UNIFAFIBE.
Docente - entre em contato com o Departamento de Tecnologia UNIFAFIBE(tecnologia@fafibe.br)
  Índice Principal
Portal/Webmail (?) Aluno Professor
ISSN n. 2595-6272

Normas de Publicação

Última atualização: 17/01/2019

Política Editorial e Normas para Publicação
Psicologia – Saberes & Práticas

I Política Editorial

Psicologia - Saberes & Práticas ISSN nº 2595-6272 editada on-line, pelo Centro Universitário UNIFAFIBE, trata-se de um periódico de divulgação e debate da produção científica e está vinculado à graduação e pós-graduação. Publica artigos científicos de trabalhos originais relacionados à psicologia e áreas afins, tais como: resultados de iniciação científica, de trabalhos de conclusão de curso, dissertação, teses e estudos de pesquisadores que se enquadrem nas seguintes categorias: relato de pesquisa, estudo teórico, revisão crítica de literatura, relato de práticas profissionais e resenha.

Não serão pagos direitos autorais. Uma vez publicado o material, a revista Psicologia – Saberes & Práticas reserva-se todos os direitos autorais mediante apresentação e assinatura do Termo de Submissão e de Autorização para Publicação.

Os conceitos emitidos nos textos publicados serão de responsabilidade exclusiva dos autores, não refletindo obrigatoriamente a opinião do Conselho Editorial. Casos excepcionais serão resolvidos pelo Editor e/ou Conselho Editorial.

Os trabalhos poderão ser enviados para o e-mail: unifafiberevistadapsicologia@gmail.com

1 Processo e critério de avaliação dos manuscritos

A primeira avaliação do trabalho é realizada pela editora responsável da Psicologia - Saberes & Práticas que constitui na análise rigorosa da adequação do manuscrito às normas da Revista, considerando, especialmente, dois aspectos: tipo de contribuição (suas características principais, definidas neste documento) e as normas de redação e formatação do manual da American Psychological Association (APA). Os manuscritos que forem considerados inadequados às normas terão o processo de avaliação interrompido e os autores informados da decisão.

Psicologia – Saberes & Práticas adota o processo de avaliação por pares que é o sistema de blind review, procedimento sigiloso quanto à identidade tanto dos autores quanto dos revisores. É responsabilidade dos autores garantirem que não haja elementos capazes de identificá-los em qualquer parte do texto.

Os originais serão encaminhados para avaliação, sem o(s) nome(s) do(s) autor(es), a pelo menos dois revisores ad hoc. Os trabalhos que receberem sugestões para alterações serão devolvidos aos autores para as devidas correções, baseando-se nos pareceres emitidos pelo revisor.

Os pareceres dos revisores admitem quatro critérios: (a) aceito; (b) aceito com recomendação de nova análise (c) aceito com recomendação após extensa reformulação; (d) recusado. Em quaisquer desses casos, o autor será comunicado.

São necessários dois pareceres favoráveis para a aceitação final da publicação. Caso ocorra um desacordo, o original será enviado para mais um revisor, para nova avaliação. Pequenas alterações no texto poderão ser feitas pelo Conselho Editorial da revista, de acordo com critérios e normas de revisão internas.

Critérios para avaliação dos artigos

  • Tema: O tema do artigo é relacionado à psicologia atual e pode despertar interesse no público ao qual se destina.
  • Originalidade: O artigo apresenta contribuição original em relação à literatura técnica nacional ou internacional.
  • Relevância Científica: Grau de contribuição do artigo ao campo de conhecimento teórico-científico da psicologia e áreas afins.
  • Metodologia: O método, os instrumentos e/ou as técnicas empregadas no artigo, são consistentes com o problema levantado e com as conclusões apresentadas.
  • Estrutura: As partes constituintes do trabalho – introdução, desenvolvimento e conclusão – estão sustentadas e interligadas com revisão bibliográfica adequada.
  • Apresentação: Atributos de precisão, concisão, clareza e qualidade na redação e apresentação gráfica do artigo.

3 Plágio

A Revista verificará, por meio de uma ferramenta de detecção de plágio, todos os artigos submetidos antes de enviar para a revisão por pares.

4 Condições para submissão

  • É permitida coautoria de alunos pesquisadores em vários artigos (quando houver) em cada edição;
  • É exigência que as normas para publicação sejam devidamente respeitadas;
  • São recusados os trabalhos que não contemplam as normas estabelecidas;
  • Os originais são aceitos para avaliação desde que não tenham sido enviados para nenhum outro periódico e/ou publicados anteriormente em eventos, preservando o caráter inédito do artigo;
  • O arquivo da submissão deve ter o formato Microsoft Word, Open Office ou RTF, jamais em formato PDF e não exceder o número máximo de páginas indicado para cada categoria (incluindo Resumo, Abstract, Figuras, Tabelas e Referências, além do corpo do texto):
  • Os documentos de submissão devem seguir os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos nas normas de produção. A revista adota as normas da Associação Americana de Psicologia (em inglês American Psychological AssociationAPA);
  • É altamente recomendável a verificação gramatical dos textos antes de serem submetidos, visto que os avaliadores não se ocuparão desse tipo de correção; que pode, inclusive, desqualificar o trabalho para aprovação;
  • Os estudos que envolvem a participação de seres humanos e modelos experimentais sob qualquer aspecto, devem ser submetidos a um Comitê de Ética em Pesquisa. O pesquisador deve expor no texto do seu manuscrito o número do parecer do Comitê de Ética ao qual o projeto de pesquisa foi submetido.
  • Os trabalhos são previamente avaliados pela editora responsável: aqueles que estiverem fora das normas editoriais serão devolvidos aos autores; os demais, encaminhados a parecerista ad hoc para avaliação. A identificação dos autores e instituições não consta no texto enviado para avaliação, além disso, qualquer indicação de autoria encontrada no corpo do texto invalidará o processo de avaliação.

5 Categorias de trabalhos aceitos pela Revista Psicologia - Saberes & Práticas

Referente aos tipos de contribuição, conforme as normas da APA, a Psicologia – Saberes & Práticas aceita manuscritos que se enquadrem nas seguintes categorias:

  • Relato de Pesquisa: artigos originais com o mínimo de 15 e o máximo de 25 páginas. Os relatos de pesquisas podem ser de caráter qualitativo e/ou quantitativo, apresentados de acordo com a seguinte sequência: introdução, métodos, resultados e discussão, considerações finais e referências. O item métodos deve conter obrigatoriamente os seguintes subitens: participantes, instrumentos, procedimento (sendo este subdividido em coleta de dados e análise dos dados), e por fim o subtítulo Considerações Éticas, na qual os autores devem mencionar a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa, o nome da instituição em que o comitê está lotado e o nº do protocolo. Não são aceitos anexos.
  • Estudo Teórico e Revisão Crítica de Literatura: ambos os artigos devem conter entre 15 e 25 páginas, o estudo teórico trata-se de uma revisão da literatura sobre temas pertinentes à Psicologia e áreas afins; enquanto que a revisão crítica de literatura apresenta uma sintetização de estudos sobre um tema, contendo uma revisão com análise e síntese das informações disponibilizadas na literatura. Os manuscritos devem ser apresentados de acordo com a seguinte sequência: introdução, métodos (em caso de revisão crítica), resultados e discussão, considerações finais e referências.
  • Relato de Práticas Profissionais: deve conter entre 10 e 12 páginas, cujo conteúdo pode abranger os seguintes aspectos: procedimentos e desenvolvimento de estágios na área da Psicologia, procedimentos e tecnologias educacionais, experiências do autor em práticas profissionais inovadoras da área da Psicologia e afins, estudo de caso, apresentação de novos instrumentos no campo da Psicologia aplicada e quaisquer outras sugestões relevantes para a área da Psicologia. Os manuscritos devem ser apresentados de acordo com a seguinte sequência: introdução, objetivos, métodos, resultados e discussão, considerações finais e referências.
  • Resenha: deve conter 5 páginas, trata-se de uma revisão crítica de obras publicadas em até dois anos, contendo a suas características, usos potenciais e contribuições para o campo da Psicologia. O texto deve ser iniciado com a indicação da obra conforme normas da APA.

6 Política de acesso livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

7 Declaração de direito autoral

A revista não autoriza republicação de seus artigos, exceto em casos especiais. Resumos podem ser republicados em outros veículos impressos, desde que os créditos sejam devidamente explicitados, constando a referência ao artigo original. Todas as solicitações, assim como pedidos de inclusão de links para artigos da revista em sites, devem ser encaminhadas à Editoria Científica da Revista.

8 Política de privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

9 Conflito de interesse

No caso da identificação de conflito de interesse da parte dos revisores, o Conselho Editorial encaminhará o manuscrito a outro revisor ad hoc.

II Normas de Publicação

Psicologia - Saberes & Práticas adota as normas de publicação do Publication Manual of the American Psychological Association (6ª edição, 2010).

Clique no link abaixo (ANEXO) para efetuar o download do arquivo que contém as normas de produção dos manuscritos.



ANEXO


2022 | CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIFAFIBE | Fone: 17 3344.7100