O USO DO SOROBAN NO ENSINO DA MATEMÁTICA: UMA VISÃO ENTRE VERSÃO TRADICIONAL E TECNOLÓGICA

Marjuri Casturina da Silva Alves, Alessio Gava

Resumo


No presente artigo se relata o desenvolvimento de uma atividade de ensino-aprendizagem de matemática, realizada em um colégio estadual paranaense, na qual utilizou-se o Soroban, o ábaco japonês. O uso desse antigo instrumento, tanto em sua versão manual tradicional quanto naquela tecnológica moderna, permite lidar com a aritmética de forma produtiva, proporcionando maior compreensão dos conceitos matemáticos e maior agilidade na realização de cálculos. O Soroban pode ser considerado uma maneira eficiente e empolgante de o professor realizar intervenções em sala de aula, de modo a envolver os alunos. Na atividade de ensino-aprendizagem aqui descrita, o uso desse instrumento despertou nos discentes grande interesse pelo conteúdo matemático desenvolvido, o que permitiu uma aquisição mais eficaz do mesmo. A utilização do Soroban nos anos escolares iniciais contribui de modo importante para o desenvolvimento da agilidade mental e do raciocínio lógico, pois com o tempo essa prática supre a falta do objeto manual e permite a desenvoltura do cálculo mental.

Texto completo:

PDF

Referências


DEMO, P. Aprendizagem e novas tecnologias. Revista Brasileira de Docência, Ensino e Pesquisa em educação Física. Goiás, v. 1, n.1, p.53-75, 2009. Disponível em: Acesso em: 10 de jul. 2015.

______. Desafios modernos da educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1993.

______. Olhar do educador e novas tecnologias. B. Téc. Senac: a R. Educ. Prof. Rio de Janeiro, v. 37, n.2, p. 15-26, 2011. . Acesso em: 24 de jul. 2015.

FERREIRA, Viviane Lovatti. Metodologia do ensino de matemática: história, currículo e formação de professores. São Paulo: Cortez, 2011.

FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários a prática educativa. 29 ed. São Paulo: Cortez, 1999.

MORAN, J. M. Novos desafios para o educador. A educação que desejamos: Novos desafios e como chegar lá. P. Campinas: Papirus, 2007.

RIBEIRO, F.D. Metodologia de ensino de matemática e física: jogos e modelagem na educação matemática. Ed 20. 2008.

TEJÓN, Fernado. Manual para uso do ábaco japonês: Soroban. Espanha, 2006.

TIBA, Içami. Ensinar aprendendo: novos paradigmas na educação. 18. ed. rev. e atual. São Paulo: Integrare, 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.